Pastor Samuel encerra CIBEN 2016

Um congresso de milagres, com um encerramento cheio da glória de Deus, assim foi e assim terminou mais uma edição do CIBEN, com a ministração do Pastor Samuel Ferreira, elogiando o belissimo trabalho realizado pela nossa Pastora Keila Ferreira.

A ministração do nosso pastor foi em Esdras 8:21, que diz o seguinte:

“Então apregoei ali um jejum junto ao rio Aava, para nos humilharmos diante da face de nosso Deus, para lhe pedirmos caminho seguro para nós, para nossos filhos e para todos os nossos bens.”

“A liberdade, atemoriza a prisão e a prisão te faz querer a liberdade. É impossível falar de Jerusalém reconstruída sem falar em destruição. Mas a primeira deportação de Judeus ocorre em 598 a.c. e Jerusalém se rende completamente porque não tinha como lutar, o reino de Jerusalém é parcialmente destruído e as riquezas são levadas.”

“Anos depois, ocorre então a volta de Israel para Jerusalém. Nesta primeira volta, a bíblia diz que só de homens, voltaram 50 mil, de forma que podemos ter tido mais de 150 mil pessoas, e ali uma festa especial de proporções Inexplicáveis.”

“Mas aconteceu que havia um grupo de pessoas que não voltou para Jerusalém e ficaram na Babilônia. Entre eles, Esdras. Ele se torna entao um homem tão sábio que conquista o coração de todos na Babilônia.”

“Assim como José no Egito ele se torna indispensável para o Rei, um conselheiro especial, mas não era da Babilônia. Ele então, lado a lado com o rei da Babilônia, o imperador começa a ouvir as palavras persistentes de Esdras.”

“Um dia todos voltaremos pra Jerusalém. Ele cresce ouvindo que vitória não é algo apenas para ouvir sem realizar. Ele cresce ouvindo de seu pai que um dia ele será colocado em alta posição e vai fazer a diferença onde você pisar’ – E ele aceitou, acreditou nessa palavra.”

“Você precisa aceitar profecias de Deus para a sua vida. Não apenas como algo para a sua descendência viver, não, a palavra de Deus é para você viver também. Esdras então passa a ministrar a palavra de Deus para o Rei. Trazendo para os dias de hoje é como se ele dissesse todos os dias para o Rei: ‘Rei, aceita Jesus como seu Salvador ‘ – E o rei Artaxerxes então luta contra a sua tradição, sua cultura e torna-se crente. Quando Deus quer agir, ele faz isso de forma tão esplendorosa, que faz a primeira igreja nascer na casa do inimigo.”

“Ele foi um prosélito, e assim ele fundou a primeira sinagoga do mundo. Para nós, hoje, ele fundou uma igreja. Onde havia um lugar de culto para os deuses babilônicos, agora tem uma sinagoga para dizer que Deus é Deus sobre a terra.”

“Agora Esdras é Pastor do rei e ele chega com um pedido. O rei então diz a ele que peça o que deseja. Esdras então diz que há um desejo e uma promessa do povo de Isreal voltar para Jerusalém. Ele diz: ‘Rei, eu mão sou daqui, quero voltar pra casa’ – O rei diz que todos já voltaram, mas Esdras encontrou ainda 1498 judeus. O rei baixou um decreto e os liberou para retornar.”

“Esdras recebe a notícia de que o rei ainda deu uma oferta para ser levada ao povo para a viagem. Restituição. Pensando nas promessas que temos, muitas vezes esquecemos tudo o que Deus já nos deu e as vezes perdemos e o inimigo tirou. Restituição.”

“Ao todo, esse povo retornou para casa, com algo, aproximado em valores de hoje, com aproximadamente mais de 28 milhões de reais. Mas ouça bem, ele não dá com meios eletrônicos como hoje, ele deu na mão. ‘Esdras, você não volta pra casa sem o mínimo de restituição’ – disse o rei.”

“Hoje você não volta pra casa sem ter a restituição da minha parte para a sua vida’ – Diz o Senhor pra você. Tiraram o que é teu, vou devolver, você vai recomeçar uma vida com tudo o que era teu de volta. Os anjos de Deus estão partindo a partir daqui de Goiânia com restituição para o povo escolhido dele.”

“Mas então, um problema: Esdras agradece ao rei pela oferta, para reconstrução do templo, moradia para o povo que retorna. Esdras se dá conta de que passará por locais muito perigosos e em pouco mais de mil homens. Ele diz ao povo que dispensou a escolta do rei para voltar na dependência de Deus.”

“Você, é escravo do que fala. Você se amarra nas promessas que faz. Ha um poder de uma palavra dada por você. Eu não acredito numa criação moderna, em que filho chama pai de ‘voce’ e bate o pé dize do ‘não vou pra igreja’. Crie seu filho com blá, blá, blá e espero obtempo para tira-lo da cadeia ou perde-lo para as drogas. Ensine-o a ser dependente de Deus, a contar com a mão de Deus. Esdras disse ao rei: ‘Desculpe-me rei, não preciso desta escolta, eu vou debaixo da proteção de Deus.”

“Deus vai honrar a tua palavra dita debaixo da direção dele”.

“Você deveria levantar mais cedo da sua cama e dizer pra Deus: ‘Senhor, hoje o dia é nosso’ – o adorador faz do nada tudo. Da pequena vitória uma grande conquista. Tudo vale a importância que você da. Valorize a presença, a proteção, as bênçãos de Deus e tenha proteção pessoal, familiar e da tua fazenda, na jornada da tua vida.”

Autor: Comunicação AD Brás

Administração do Portal e das Mídias Sociais da Assembleia de Deus no Brás

Compartilhe Este Artigo

Envie um Comentário